Cidadania

HUMBERTO DE CAMPOS NO COMBATE ÀS DROGAS

Não faz tanto tempo assim, a cidade de Humberto de Campos era reconhecida por todos - moradores e visitantes - como um lugar tranquilo para se viver. Cidade pacata, com gente trabalhadora. Mas um trágico fenômeno chegou ao município nos últimos anos, a exemplo do que aconteceu em todo o Brasil, e já conseguiu afetar centenas de famílias, em especial, as mais humildes: o uso e o tráfico de drogas.

Esse, que já é conhecido como o mal do milênio, tem se alastrado e destruído lares, sonhos e esperanças. Mas é possível lutar contra esse mal. E é com o pensamento focado nessa batalha que a Secretaria de Assistência Social-SMAS de Humberto de Campos, em parceria com a Secretaria de Educação, desenvolve a primeira etapa do "Projeto Socioeducativo de Combate às Drogas: Fique Esperto! Drogas e Ato Infracional, estou fora!".

Ao longo do mês, técnicos e orientadores do Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS e da SMAS, fazem palestras e conversam com a sociedade para alertar sobre os perigos do uso da droga e sobre os caminhos que ela oferece. O projeto visa orientar e sensibilizar aproximadamente 300 crianças e adolescentes humbertuenses sobre as consequências do uso de drogas para os indivíduos, família e comunidade. Ao longo do ano de 2018, serão realizadas 4 etapas, com alunos do 5° ano ao 9° ano da Escola Municipal Bibiano José dos Santos (bairro da Bacabeira); da Escola Municipal Professora Lena Maria Araújo Silva (Bairro da Base); da Escola Municipal Zilda Maria Santos Mesquita (Bairro da Bairro Bacabeira) e da Escola Municipal Paulo Freire (Bairro do Gomes).
 

Mais em Cidadania


Receba nossa Newsletter. Deixe seu nome e e-mail!